Thursday, September 3, 2009

Um sonho onde o amor é soberano...


Um sonho de amor…
Num dia trivial, no mundo do sono entrei
E nesse sono, no universo do sonho penetrei
E sonhei, sonhei, sonhei
Sonhei porque quis sonhar
Sonhei para te poder amar
Sonhei para te realizar
Fazer de ti, um Olimpo sem fim
Sem fim, barreira ou entrave
Um Olimpo de tom ténue e suave
Onde te posso ter por um dia mais
Um lugar onde se comentem actos colossais
Colossais e fora das balizas normais
Porque em nome do amor, porque em nome da paixão
Tudo se torna único, mítico, tudo se torna aprazível ao coração
Porque nesse mundo idílico tudo se converte em alvo de contemplação…
João Paulo S. Félix

1 comment:

Cristina Bernardes said...

Sempre perfeito e lindo... Fantástico