Wednesday, June 9, 2010

Uma lição a tirar de um pássaro a voar...


Uma lição a tirar de um pássaro a voar…
Voa livre, leve, belo e fascinante
Voas tu pássaro veloz e intrigante
Em como consegues voar de forma desprendida
Sem teres de viver com a dor da despedida
Em como consegues viver a liberdade
Ao sabor das tuas pequenas asas de humanidade
Que te permitem visitar todo o terrestre espaço
Tu que voas sem rota, sem rota traçada por bússola ou compasso
Tu que vives feliz, contente e sem cessar
Sem cessar de felicidade no mundo espalhar
Sem cessar de chilrear
De chilrear, de cantar a tua bela melodia
Que te permite endeusar a luz do dia
E que te permite o dia do humano ser alegrar
Alegrar e de ti ciúmes conquistar
Ciúmes de libertação, ciúmes de especialidade
Porque apesar da tua pequenez, consegues deter grandiosidade
Continua pássaro, continua
Voa por mim, por esse universo de realidade insegura
Na qual lutas com a tua bravura
Que a todos faz pasmar e a que a todos faz desejar
Faz desejar ser pássaro: faz desejar poder voar…
João Paulo S. Félix

1 comment:

Marisa Tavares said...

Namastê João!

Sempre procurei um texto com o qual me identificasse na sua plenitude!!!!Este "Uma lição a tirar de um pássaro a voar..." é para mim um presente do Divino! Eterneliza meus sentimentos para com a minha presente existência! Quando me solicitaste ideias para a tua escrita estava a saborear um pássaro que chilreava na janela da BE mesmo em frente e estava a contemplar o som do vento, o esvoaçar das folhas, até o próprio cheiro da chuva acabada de parar...Que momento de PAz que me fez regressar à minha infância! Daí "chuva, vento, folhas e pássaro" - elementos para mim vitais :))E presenteaste esta tua leitora com um dos teus mais lindíssimos poemas. Poderoso em todos os sentidos :)Um hino à liberdade à condição humana...uma representação de mim que escolhi ser Reikiana...SER COLIBRI!!!!

Beijos de Luz entregues por Anjos (com os quais trabalho)

Marisa Tavares