Monday, January 11, 2010

Uma existência dentro de mim... dentro de nós...


Uma existência dentro de nós…
Bato a porta e corro de forma atroz
Começo a gritar, sinto a minha garganta a vociferar sem parar
E começo a questionar-me sobre a nossa existência de seres a sós
Até que quedo e sinto algo dentro de mim, um Ser, uma voz
Uma voz forte, intensa, profunda, perturbadora
Que quase leva o meu ser à loucura
Pára de gritar, digo eu, pára de me perturbar
Não paro de te querer, não paro de te enfeitiçar
Adoro-te com todas as minhas forças, és todo o meu bem – querer
És um filho que não quero e jamais vou esquecer
Mas, quem me ousa tratar por Filho? Questiono-me eu
Ouso ser aquele que sou, Sou teu Pai… Sou Deus
Que bem quero a todos os filhos meus
Mas, porque me perturbas desta forma, porque me inflamas desta maneira
Mais forte do que a chama de a lenha consome na lareira?
Porque te amo e que quero consolar
Porque quero a Teu lado sempre estar
Quero ser o Teu confidente, para te ajudar em tudo que tu possas passar
Já sem poder contrariar, dou por mim a orar e a te Louvar
Porque te tenho dentro de mim, sim, tenho-Te Deus, dentro de mim
Alguém que me quer alegrar e fazer florir como um magno jardim
A Ti me entrego de alma e coração
Por toda a minha vida, sem tempo nem estação…
João Paulo S. Félix

1 comment:

Cristina Bernardes said...

Obrigado por esta reflexão, sabes um existência dentro de nós... é algo que me questiono todos os dias. Será Deus um pouco de todos nós, será Deus todos nós juntos...
Hum, acho que vamos ter de continuar a reflectir sobre este tema.

De qualquer forma, Deus é o ser supremo que nos ama e nos protege...
Beijos